15 abril 2010

A vida é uma conjugação de verbos

Hello people!

Como tem se tornado hábito, alguns comentários voltaram a me emocionar. É sempre uma grata surpresa poder voltar ao blog e ver que pessoas queridas passaram por aqui e deixaram alguma mensagem sincera que, inevitavelmente, acabam por me fazer bem. Obrigada, gente, de verdade. 

Nesse tempo que fiquei sem escrever, muita coisa ficou por acontecer, mas no fim, acabou tudo na mesma. Tô falando sobre os rumos do meu tratamento médico. Desde que levei o resultado das últimas tomografias (março), meu oncologista ficou de me dar uma indicação de qual seria o próximo passo. 

No entanto, ficou bem claro pra mim que ele não sabe que rumo tomar. Em outras palavras: está perdido.

Meio assustador? Talvez, para quem não tem fé. Mas eu tenho, e sei que muito em breve estarei constatando minha cura. Como eu posso ter tanta certeza? Eu sei, apenas sei, e não me peçam para ser mais clara do que já fui.

Hoje, dia 15, ocorreu uma mesa redonda no ICC. Ele, meu médico, afirmou que seria nessa reunião que ele iria discutir meu caso com outros oncologistas, para tentar traçar o melhor caminho a seguir.

Em breve terei uma nova consulta, e talvez uma resposta elucidativa. 

Esperar é o verbo da vez. Ter calma, paciência, autocontrole. 
Estou conjugando, disciplinadamente.

Bom, enquanto recito a poesia da vida, meu cabelo vai despontando, e minha sobrancelha já dá o ar da graça.

Querem ver?





Por hoje é isso. 

Até a próxima!

9 comentários:

Anônimo disse...

Maraysa, você não me conhece, e tudo o que sei de você é o que leio no seu blog. Mas isso não me impede de ter a convicção de que você é uma pessoa extraordinária. Não tenho crenças a não ser no que seja concreto e palpável, mas lendo o que você escreve, não consigo deixar de imaginar que, de fato, você tem milênios de experiência. A forma como você lida com essa provação... tanta leveza, graça e lucidez, parecem-me improváveis em pessoas de qualquer idade dentro da expectativa de vida humana.
Estou torcendo muito por você, e todos os dias passo por aqui para ver se tem novas notícias suas. Desculpe-me pela "invasão", mas eu tinha que deixar registrada minha imensa admiração por você.
Um forte abraço e tudo de bom para você!

Maraysa Carvalho disse...

Olá anônimo!
Não sei se vc é homem ou mulher, mas tenho um palpite (só que n vou dizer pra n correr o risco de errar feio.. hehe).
Muito obrigada por seu recado. E de modo algum considero invasão, esse espaço é aberto a todos, e garanto como vc n mensura o quanto me alegro com visitas.

Valeu mesmo pelo que escreveu, foi lindo. =)

Paz e Luz.

*M

Mônica disse...

Lindaaaaaaaaaaaa ...

Tbm sinto que sua cura está mais perto do que imaginamos, n me pergunte como tbm, apenas sinto. Vc é forte, guerreira e linda!!!!

Amo vc, saudades.

Beijos.

Felipe Araújo disse...

Força Sempre!


Felipe Araujo...

Anônimo disse...

Sua vitória é um verbo conjugado a bastante tempo. Vem passando por correções gramaticais e por isso até agora não se consumou.
É tempo, apenas questão de tempo.
Fica com deus, estou sempre com você!


PS: aprendi a como assinar o seu feed do blog.

Uebaaa!

Motafer

Elson disse...

Tenho também a certeza que logo não precisara, mais passar pelo que tem passado, mas realmente espero que nessa mesa redonda dê o veredito definitivo para terminar com isso...

Ainda não terminei de fazer o meu Blog, tá difícil arranjar tempo para mecher em Photoshop, mudar as cores...

Tá complicado meu tempo imaginar quando finalmente trabalhar...

Tenha força minha amiga sempre estou aqui torcendo por voce!

Priscila disse...

Acabei de ver num post mais antigo, que você respondeu um comentário dizendo que havia me adicionado no msn.. A história é um pouco longa. Eu fiz esse e-mail para coisas importantes, e a única pessoa que eu tinha adicionada nesse msn era o Ivens. Daí que das poucas vezes que eu entrava, tinha um montão de convites fakes(se é que é assim que possso chamar), aqueles "cnsidjfoi@hotmail" blá blá, sabe? Então, eu automaticamente denunciava como remetente de spam e bloqueava convites.. Daí eu lembrei agora, lendo o seu comentário, que um belo dia recebi um que tinha alguma coisa metal e até pensei: eita! eles estão ficando cada vez melhores.. A verdade é que eu não aceitei, junto com tantos outros que me eram enviados regularmente, e nem me dei conta! Sempre olhava o e-mail para ver se você tinha enviado alguma coisa, mas não pensei na possibilidade do msn.. Mas, tudo bem, eu sou meio lenta mesmo.. Quanto a proposta, era que você me enviasse o seu endereço para eu te escrever cartinhas!! daí te enviaria também umas musiquitas!! E, finalmente, se é possível reparar o erro, gostaria que você me enviasse seu endereço(se puder e/ou quiser- vou entender qualquer motivo contrário..)e aí eu te adiciono lá.. ;D a foto tá xuchuca!!

Priscila disse...

E o próximo verbo que você vai conjugar é: Vencer no pretérito perfeito do indicativo, na primeira pessoa do singular.. :*

andrézito disse...

oi Mara, sou eu andrézito, você é imprevizível e muito sensata no que diz, mulher de força e de fé, adoro seu blog, aí vai o que eu pensei e escrevi...

“DEUS TEM UM PROPÓSITO DE VIDA PARA CADA UM DE NÓS, AQUILO QUE VOCÊ É, FOI DEUS QUEM DETERMINOU”.
“FAÇA DA SUA VIDA UMA VIRTUDE E NÃO OBSTÁCULOS, QUE A VITÓRIA CHEGARÁ EM BREVE.”
“LEMBRE-SE DEUS NÃO FAZ DESTINÇÃO DOS SEUS FILHOS, VOCÊ É ESPECIAL PARA ELE”.
“A LIMITAÇÃO DO SER HUMANO ESTÁ NA CABEÇA E NÃO NO SEU POTENCIAL”.

Jesus resumiu todo o seu amor em um único mandamento "amai-vos uns aos outros como eu vos amei"

Quando vou orar, oro pelos outros, pois se Deus é tão bom misericordioso e amável, sabe das minhas necessidades, então pedir pra quer se ele já sabe e vai me atender, e ele já me faz e me deu tanto, inclusive amigas como você.

BJ

"