17 maio 2012

Dad is back!


Meus queridos, embora a maioria de vocês já saiba, eu estava devendo uma postagem de agradecimento por todas as orações e energias positivas que chegaram ao meu pai. No dia 12 de maio, véspera do dia das Mães, ele recebeu alta! 

Ao todo, ele ficou 52 dias internado e perdeu 17 quilos. A recuperação em casa já mostra resultados, pois agora ele até consegue ficar em pé e caminhar. Não com muita desenvoltura, claro, e também não por muito tempo, por isso que sempre ficamos atentos caso ele demonstre fraqueza, mas no hospital ele nunca tinha conseguido dar 1 passo sem nosso auxílio. Além disso, ele já não aguentava mais a comida sem sal que ofereciam, o que culminou na absurda perda de peso. 

Ele está numa alegria sem medida, pois pode ver o céu, dormir sem ser acordado a cada 15 minutos pelos enfermeiros, escolher qual será a próxima refeição e não ter mais os braços perfurados pelas inevitáveis injeções.

Por outro lado, sabemos que o desafio está apenas mudando de endereço, afinal, ainda há muito chão pela frente. Nossa rotina mudou, nossos hábitos também. E a ideia é que tudo continue mudando, sempre para melhor. O motivo disso tudo ter acontecido está muito nítido para mim: nada pode voltar a ser como era. É preciso fazer valer a pena essa nova chance de vida

Obrigada mais uma vez a todos que colaboraram, ainda que apenas por um instante, ainda que com um simples pensamento. Nada se perdeu.

Grande abraço e até a próxima!