28 novembro 2014

Coisas que dizemos



E quantas vezes você falou que não queria, só para ver se iriam insistir? Você até queria, mas não insistiram. 

Às vezes você fala que não pode, mas é porque não quer.

Outras vezes você diz que não pode, porque não acredita poder. 

Algumas poucas vezes, bem poucas mesmo, você realmente não pode. E, se bobear, ainda nessas raras ocasiões, se espremesse as horas, se apertasse o passo, até poderias. 

Nenhum comentário: